A lenda do sapateiro que ofendeu Jesus: o judeu errante

Uma das lendas mais antigas do ocidente, está hoje um tanto esquecida. E existe praticamnte uma geração inteira que nunca ouviu falar na história do sapateiro Ahsversus.

Resultado de imagem para sapateiros
Exitem algumas variaçãoes acerca deste personagem, chegando mesmo a ser confundido com o próprio Judas Iscariotes. O que sem dúvida ajudou a criar  a expressão “onde udas perdeu as botas”.


A lenda conta o mito do sapateiro judeu que fora amaldiçoado por Jesus para que caminhasse pelomundo todo até o fim dos tempos. Em comum, todas as variações afirmam que duarante a sexta-feira da paixão, Jesus carregando a cruz parou de fronte ao curtume de Ahsuerus e pediu água. Zombando dele, o sapateiro havia lhe dito que “se és o Filho de Deus, faça com que jorre uma fonte de água fresca do chão”.  Outra versão diz que ao segir a Via Cruscis, Jesus teria caído diante da loja do judeu e zombando, teria gritado para o condenado que “caminhasse”. Jesus teria respondido a Ahsverus que ele, o sapateiro, é quem caminharia pelo mundo até o fim dos tempos.

Outra versão afirma que Simão Cireneu ao ajudar Jesus a reerguer-se e sua cruz pediu ajuda a Ahsverus que zombeiteiramente se segou. Muito se diz que a lenda fala dos apócrifos que contam que haviam sim tres judeus errantes: Catáfilo, porteiro de Pilatos, Samé que fundiu o bezerro de ouro, e Samuel Belibet, sapateiro e negou água a cristo.
Nos primeiros tempos da expansão do islamismo houve o boato, entre osconquistadores árabes da Síria, de que o tal Judeu Errante havia sido de fato, encontrado em Damasco. Séculos mais tarde, o boato ressurgiu na Península Ibérica, onde um certo Juan Esperendios (“espera em Deus”) seria esse personagem. Na Itália medieval dizia-se que o Judeu Errante atendia pelo nome de Giovanni Buttadeo (“o que bate em Deus”) e na Alemanha, no século XVI, um bispo de Hamburgo afirmou ter conhecido o Judeu Errante pessoalmente, tendo inclusive sido publicado, anos mais tarde, o suposto diálogo do bispo com o Judeu.

É possível que a lenda do Judeu Errante tenha tido início no Século IV quando um bispo da Armênia ou da Pérsia, em visita a Constantinopla ouparticipando do Concílio de Nicéia, teria dito, em resposta a um incrédulo, que no seu país ainda restava, viva, uma testemunha do martírio de Jesus Cristo. Aí então a imaginação popular teria se encarregado do resto, fazendo às vezes confundir a figura com a de um funcionário de Caifás chamado Malco, com a de um certo cidadão de Jerusalém chamado Cartáfilo.
Em http://www.recantodasletras.com.br/contos/1185410  há um belo texto que diz: “(…)conta-se que quando Nosso Senhor, ia levanod a cruz para o Calvário, deteve-se um omento para desncansar, à porta de um sapteiro que o não deixou parar, dizendo:
“_ Segue! Segue! Não descansarás aqui!”

E Nosso Senhor tomou outra vez a cruz e disse:

“Vou para onde descanse, mas terás que caminhar até que eu vollte” E assim o sapateiro se tornou o Judeu errante, que não poderá nunca descansar enquanto Nosso Senhor não voltar à terra no Dia do Juízo. O sinal de uma cruz encarada apareceu-lhe na testa, e deixando a mulher e os filhos seguiu Nosso Senhor até o Calvário; depois saiu de Jerusalém e começou a sua longa peregrinação.

Seguiu, seguiu sempre, este velho alto, descalço, com o cabelo caído sobre os ombros e uma faixa negra em torno da testa para esconder o sinal da cruz encarnada, símbolo da maldição eterna.(…)”

Bem, este personagem é muito rico em mitologia judaica-cristã ocidental, e ele foi citado em inúmeros filmes, livros e poemas como de Charles Dickens, Castro Alves e Goethe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s