ESCOLHIDO COMO UM DOS GRANDES POEMAS DE EVAN DO CARMO

“SONHO SUSPENSO

Há um sonho suspenso,
uma ideia que não veio à luz,
Um projeto abstrato incompleto, 
um suspiro que a dor não produz.

Um desejo que não tem sabor
uma flor de aroma sem sais
Uma pedra à beira da estrada,
uma espada de lados iguais..

À distância do mar e da praia,
uma arraia que pica os mortais,
Há um sonho suspenso na noite,
que o açoite do vento levou…

Hoje penso que não sou humano,
sou a sombra da flor que murchou.

EVAN DO CARMO-2011, LIVRO-licença poética

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s